Sara

Novembro 30, 2008 Vice

Anúncio premiado internacionalmente mas que não passou na nossa televisão em Portugal!!
Não sei se o vídeo passado foi este pois existem vários a circular. Ao que parece o original veio de um vídeo colocado numa Escola em 1996 e tinha o nome original de 'Misty' segundo o que encontrei na internet.
Leia o texto em inglês no final do poema.


Recordo o poema da criança de 3 anos, 'Meu nome é Sara'

O meu nome é ''Sara''
Tenho 3 anos
Os meus olhos estão inchados,
Não consigo ver.

Eu devo ser estúpida,
Eu devo ser má,
O que mais poderia pôr o meu pai em tal estado?

Eu gostaria de ser melhor,
Gostaria de ser menos feia.
Então, talvez a minha mãe me viesse sempre dar miminhos.

Eu não posso falar,
Eu não posso fazer asneiras,
Senão fico trancada todo o dia.

Quando eu acordo estou sozinha,
A casa está escura,
Os meus pais não estão em casa.

Quando a minha mãe chega,
Eu tento ser amável,
Senão eu talvez levaria
Uma chicotada à noite.

Não faças barulho!
Acabo de ouvir um carro,
O meu pai chega do bar do Carlos.

Ouço-o dizer palavrões.
Ele chama-me.
Eu aperto-me contra o muro.

Tento-me esconder dos seus olhos demoníacos.
Tenho tanto medo agora,
Começo a chorar.

Ele encontra-me a chorar,
Ele atira-me com palavras más,
Ele diz que a culpa é minha, que ele sofra no trabalho.

Ele esbofeteia-me e bate-me,
E berra comigo ainda mais,
Eu liberto-me finalmente e corro até à porta.

Ele já a trancou.
Eu enrolo-me toda em bola,
Ele agarra em mim e lança-me contra o muro.

Eu caio no chão com os meus ossos quase partidos,
E o meu dia continua com horríveis
palavras...

'Eu lamento muito!', eu grito
Mas já é tarde de mais
O seu rosto tornou-se num ódio inimaginável.

O mal e as feridas mais e mais,
'Meu Deus por favor, tenha piedade!
Faz com que isto acabe por favor!'
E finalmente ele pára, e vai para a porta,

Enquanto eu fico deitada,
Imóvel no chão.

O meu nome é 'Sara'
Tenho 3 anos,
Esta noite o meu pai *matou-me*.

"The above-quoted bit of verse has been circulating on the Internet since at least early 1998, picking up a variety of name changes, attributions and amendations over the years. As far as we've been able to ascertain, this item was the work Misty Nicole Ramsey of Dell Rapids, South Dakota, who posted it to a college web site back in 1996.

Some of the significant alterations that have since been made to the piece include changing the name of the narrator (the example shown above uses "Sarah"; the original version featured a girl named "Misty") and appending information that urges readers to "Please pass this poem on as a Blue Ribbon Against Child Abuse." (One of causes symbolically represented with is Child Abuse Prevention.)

A number of readers have asked us if this item is "true," a question we're not sure how to answer. As unlikely as it might be that a three-year-old could possess the language skills necessary to compose such a piece, it's even more unlikely that anyone could describe her own murder in the first person. From the Snopes website."