APOIO ÀS PME

Novembro 18, 2011 Vice


P
ergunto-me quantos terão sido aqueles que, ao decidirem abrir uma pequena empresa, se terão lembrado de recorrer ao micro-crédito ou às linhas de crédito ‘PME Investe’, criadas essencialmente para facilitar as micro-empresas.

Pois se no passado ano de 2009 já a Associação Nacional das PME’s (ANPMES) tinha avançado com a notícia de que nem 5% das pequenas empresas teria conseguido acesso àquela linha de crédito, no momento a situação, se não pior, mantém-se.

No final do passado ano dirigi-me a um Balcão do BPI e decidi recorrer a um pequeno crédito para abertura de uma empresa que se enquadra na linha ‘PME Investe IV’ ( montante máximo 25.000,00€ para abertura de novas empresas), num valor abaixo do máximo permitido. Alguns dias depois o Banco deliberou não aprovar o mesmo por considerar que o tipo de actividade indicada está neste momento a passar por dificuldades!

Espanta-me pois este julgamento porquanto questiono qual o sector que no momento está livre de dificuldades?

Questiono também para que serve afinal a tão propalada linha de crédito? Será para ajudar as PME’s que estão em dificuldades ou as novas a serem criadas, ou será para familiares e amigos?

De uma coisa tenho a certeza, NÃO FUNCIONA, serve apenas para alarde da nossa classe governativa a qual bem podia aprender a governar que já é tempo disso.